slide1
+1

PERGUNTAS RECORRENTES

1.     O alfabeto da turma, na maioria das vezes fixado acima do quadro-negro ou nas paredes laterais das salas de aula da Educação Infantil e Séries Iniciais, é um companheiro importante para os alunos dessa faixa etária, que ensaiam os primeiros passos no universo da escrita. Mas, para que o alfabeto realmente ajude na compreensão do funcionamento da escrita, é preciso saber usá-lo. Em sua opinião, qual é a importância desse alfabeto dentro das salas de aula e como o professor deve utilizá-lo para que esse alfabeto tenha significado?

Leia Mais

+1

LETRAMENTO E ALFABETIZAÇÃO para Guia Prático para o Professor do Ensino Fundamental I

LETRAMENTO E ALFABETIZAÇÃO

 

Revista Guia Prático para o Professor do Ensino Fundamental I

EF – Qual a diferença entre alfabetização e letramento?

Sandra Bozza O letramento é mais amplo e eminentemente social, ou seja, é o ato de inserir o sujeito no universo letrado. Assim, quando lemos para crianças da Educação Infantil ou escrevemos suas ideias para que os outros as leiam, estamos possibilitando que essa criança compreenda os diferentes usos da escrita e perceba a importância desse conhecimento produzido pela humanidade. Isso é letrar! Da mesma forma, um adulto analfabeto que nos pede para escrever uma lista ou uma carta, que solicita auxílio para ler o letreiro de ônibus ou um endereço escrito está em estado de letramento, isto é, ele está utilizando a escrita para suprir suas necessidades sociais, embora não saiba ler. Já o processo de alfabetização implica o desvelamento (para quem está aprendendo a ler) do funcionamento técnico da escrita. Em outras palavras: alfabetizar nos dias atuais significa planejar e desenvolver reflexões sistemáticas sobre a organização da escrita e seus usos.

Leia Mais

Navegação

 

Sandra Bozza

Há mais de 37 anos se dedica ao magistério na cidade de Curitiba, é professora de Língua Portuguesa e, além de linguista e cientista social na área da educação, estuda com afinco a Psicologia do Desenvolvimento Humano com um único objetivo: desenvolver uma metodologia de ensino apropriada para alfabetizar com mais sucesso as crianças cujas origens determinam seu distanciamento da cultura letrada.

Veja o perfil completo

Entre em Contato!

Sandra Bozza
R. Bruno Filgueira, 1985
Champagnat • Curitiba • PR
Telefone: +55 41 9973 3528
sandra@sandrabozza.com.br